Ciranda da Unidade e da Diversidade

“Se discordas de mim, tu me enriqueces” (Dom Helder Câmara)

a

A Campanha da Fraternidade deste ano nos convida a pensar sobre a importância do diálogo na construção da fraternidade, do amor e da paz a partir do texto bíblico “Cristo é a nossa paz: do que era dividido fez uma unidade” (Ef 2, 14ª).

Vivemos um tempo de muita polarização em todas as esferas mundiais e nacionais.

O que reforça a importância de se tratar o diálogo como uma escuta amorosa, de compreensão do outro, numa esfera de convivência fraterna, de amizade, de carinho e de encontros que se dão ao longo da nossa caminhada.

Que tal somar forças com a gente nessa ciranda pela vida?

Vamos juntos construir um mundo mais fraterno, baseado no diálogo, na gentileza, na cooperação e na empatia.

 

Há diversidade de dons, mas um só Espírito. (Coríntios 1,12)

Sopa do Neném

Na última semana as Turmas do Jardim I estiveram concentradas na construção de suas sopas.  O fio condutor das atividades foi a canção Sopa, a qual é muito conhecida pelas crianças.

Nesse sentido, primeiro teve a apreciação da música e depois as crianças puderam acompanhá-la ritmando, a partir disso foi feita a leitura de todos os ingredientes citados na letra, destacando as rimas e trazendo ao diálogo o que podemos usar para fazer uma sopa. Aí sim cada um pôde fazer a própria combinação!

Cercados de risos e com muito humor as crianças elegeram ingredientes inusitados para sua receita. É importante destacar que com essas atividades nós pudemos trabalhar com diferentes linguagens alcançando objetivos como a apropriação de diferentes gêneros textuais, a compreensão de rimas, a musicalidade, entre outros. Tudo embasado nos eixos de aprendizagem interação e brincadeiras.

 

Maternal explora o CSA

Na manhã da última quinta-feira (04/02), a Turma do Maternal explorou o jardim e o Bosque do Colégio Santo André, com auxílio de uma lupa.

O intuito dessa dinâmica foi proporcionar aos alunos um momento diferente, em que procuravam gravetos para pintá-los em sala e, sob orientação da professora, colá-los em uma folha desenhando a letra A.

Nessa dinâmica, foi trabalhado a coordenação motora, a socialização entre as crianças e professora,  assim como a exploração dos recursos naturais.